Vacinas para cachorro: tudo que você precisa saber

As vacinas para cachorro são fundamentais para garantir a saúde e bem-estar dos nossos queridos pets. Através da imunização, é possível prevenir uma série de doenças e infecções que podem ser fatal para o animal.

Por que vacinar o cachorro?

Vacinar o cachorro é essencial porque a maioria das doenças que podem afetá-los são altamente contagiosas e muitas vezes letais. Além disso, algumas doenças também podem ser transmitidas para os humanos. A imunização é a melhor forma de prevenir essas doenças e proteger o animal de estimação e sua família.

Principais vacinas para cachorro

Existem diversas vacinas que são recomendadas para os cachorros, sendo que algumas são consideradas obrigatórias e outras opcionais. Vamos conhecer as principais:

Vacina antirrábica:

A vacina antirrábica é obrigatória para todos os cachorros, independentemente de sua raça ou idade. A raiva é uma doença viral transmitida por meio da saliva de animais infectados, podendo ser transmitida para humanos através da mordida ou arranhão.

Vacina polivalente:

A vacina polivalente, também conhecida como V8 ou V10, protege contra várias doenças, como cinomose, hepatite infecciosa canina, leptospirose, parvovirose, entre outras. A aplicação dessa vacina é importante para garantir a proteção do animal contra essas doenças.

Vacina contra leptospirose:

A leptospirose é uma doença bacteriana transmitida principalmente através da urina de ratos e outros animais contaminados. Essa vacina é recomendada principalmente para animais que vivem em áreas rurais ou com maior risco de contaminação.

Vacina contra giardíase:

A giardíase é uma doença intestinal causada por um parasita chamado Giardia. Essa vacina é recomendada especialmente para cachorros que têm contato frequente com outros animais ou que frequentam locais onde há maior risco de contaminação.

Calendário de vacinação

O calendário de vacinação pode variar de acordo com a região e a idade do cachorro. É importante seguir as orientações do médico veterinário para garantir que o animal esteja devidamente protegido. No entanto, de forma geral, as vacinas devem ser aplicadas nas seguintes idades:

3 meses:

Nessa idade, o cachorro deve receber a primeira dose da vacina polivalente e também a vacina contra a giardíase.

4 meses:

É a vez da segunda dose da vacina polivalente.

5 meses:

Aos 5 meses, o cachorro deve receber a terceira dose da vacina polivalente e também a vacina contra a leptospirose.

1 ano:

A partir do primeiro ano de vida, o cachorro deve receber a vacina polivalente anualmente, além da vacina antirrábica.

Conclusão

Vacinar o cachorro é uma responsabilidade de todo dono, pois é a melhor forma de proteger o animal contra doenças perigosas e muitas vezes fatais. O calendário de vacinação deve ser seguido corretamente para garantir a eficácia da imunização. Procure um veterinário de confiança para orientações específicas para o seu pet e mantenha a carteira de vacinação sempre em dia.

Deixe um comentário